Símbolo Aprag Aprag Associação dos Controladores de Vetores e Pragas Urbanas

Notícias

Aposentado cria armadilha para mosquito da dengue e vira projeto de pesquisa em universidades


PIAUÍ


Uma caixa coberta por um tecido preto, com aberturas e estrutura de canos. A invenção simples do aposentado José Ricardo Alves, de 67 anos, atualmente é uma armadilha eficaz no combate ao mosquito Aedes aegypti, responsável por transmitir a dengue, zika vírus e chikungunya.





"Eu estava em uma pescaria há 40 anos e quando me cobri para se esconder dos mosquitos, vi que eles faziam o mesmo ou invés de picar. A ideia da armadilha surgiu a partir daí", contou.




Com o tempo, a estrutura foi aperfeiçoada e virou um eficiente mata mosquito. O aposentado percorreu o país para mostrar a criação, procurou órgãos públicos e universidades, mas não foi fácil convencer que a ideia simples dava certo.




Depois de bater em muitas portas, José Ricardo conseguiu registrar o produto da 'caixa coletora de muriçocas'. No ano seguinte, ele colaborou com a pesquisa realizada na Universidade Federal do Piauí (UFPI), que resultou em um relatório sobre a coleta e análise dos insetos.


 




Aposentado cria armadilha para mosquitos — Foto: Reprodução/TV Clube

Aposentado cria armadilha para mosquitos — Foto: Reprodução/TV Clube





Ele também colaborou com pesquisas nas universidades da Paraíba e Maranhão. Mesmo sendo somente um protótipo, a resolutividade da armadilha está comprovada, segundo o biólogo Ivanaldo Moura.




"Eu percebi que os mosquitos ficam voando ao redor da armadilha. O atrativo ali é o ambiente escuro, calmo, o calor e eles vão entrando. Depois que ele entra tem dificuldade de sair e lá dentro ele encontra abrigo e ele vai ficando", explicou o biólogo.


 






Se a invenção vai ser produzida em larga escala ou se alguma empresa vai comprar a ideia, José Ricardo não sabe. O inventor não vai parar no combate ao mosquito. "Só quando eu morrer", declarou.






 

 

FONTE: G1



VEJA A APRAG NA MÍDIA

FATO ou FAKE #Escorpiões

Mais de 90 mil pessoas foram picadas por escorpião no Br...

Novas técnicas para combater o Aedes aegypti

4:51 Árvores de São Paulo sofrem com cupins Café com J...

Voltar para a ediçãoAlimentar pombos nas ruas pode gerar...

VEJA MAIS MATÉRIAS

Notícias APRAG

VEJA MAIS NOTÍCIAS