Símbolo Aprag Aprag Associação dos Controladores de Vetores e Pragas Urbanas

Notícias

Índice de infestação do mosquito da dengue em Sarandi chega a 9,1%


O último Levantamento Rápido de Índice para Aedes aegypti (LIRAa) apontou que infestação do mosquito transmissor da dengue em Sarandi, no norte do Paraná, é de 9,1%. Ou seja, a cada 100 casas visitadas, em nove delas há focos do mosquito. O número é preocupante, já que a Organização Mundial da Saúde (OMS) preconiza que o índice não ultrapasse o 1%.




Em alguns bairros de Sarandi o índice de infestação chega a 11,8%, como nos casos dos Jardins Cometa e Verão e no Parque das Indústrias. Foram encontrados focos do mosquito em praticamente 12 de cada 100 casas desses bairros.




O levantamento, divulgado na terça-feira (6), foi realizado entre 29 de janeiro e 02 de fevereiro. Os agentes visitaram 1.603 imóveis. Nestes locais foram encontrados 140 larvas do mosquito.




De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), Sarandi tem oito casos confirmados da doença. Em todo o estado, de 1º de agosto de 2017 até fevereiro de 2018, são 447 casos confirmados de dengue , de acordo com o boletim epidemiológico divulgado pela Sesa.




De acordo com a supervisora de Combate de Endemias, Rosana Santos, a situação é preocupante e as ações de combate ao mosquito devem ser intensificadas.




"Vamos intensificar as visitas às casas e pretendemos fazer em breve arrastões e mutirões de limpeza para acabar com o lixo e eliminar os focos do mosquito".




Veja o levantamento da infestação de dengue por bairro em Sarandi:




 



  • Jardim Cometa, Jd. Verão, Pq. das Indústrias - 11,8% (alto risco)

  • Jardim Ouro Verde, Jd. Independência, Jd. São Paulo - 10% (alto risco)

  • Jardim das Torres, Centro, Pq. São Pedro - 8,8% (alto risco)

  • Jardim Novo Independência, Jd. Universal - 7,8 % (alto risco)

  • Parque Alvamar - 5,4% (alto risco)


 




Principais criadouros encontrados pelos agentes de endemias:




 



  • 1º lugar - lixo reciclável, garrafas, latas e plásticos - 50,3%

  • 2º lugar - vasos e pratos de plantas, bebedouros de animais e materiais de construção - 22,7%

  • 3º lugar - pneus - 11,4%

  • 4º Lugar - caixas de água baixa, tonéis, tanques e tambores - 9,7%

  • 5º Lugar - depósitos fixos, piscinas, calhas, lages e sanitários em desuso - 4,3%

  • 6º Lugar - depósitos naturais ex: bromélias, ocos de árvores - 1,6%


VEJA A APRAG NA MÍDIA

Novas técnicas para combater o Aedes aegypti

4:51 Árvores de São Paulo sofrem com cupins Café com J...

Voltar para a ediçãoAlimentar pombos nas ruas pode gerar...

4:51 Árvores de São Paulo sofrem com cupins Café com ...

Especialista dá dicas do que fazer para espantar os inse...

VEJA MAIS MATÉRIAS

Notícias APRAG

VEJA MAIS NOTÍCIAS
Primobolan Depot For Sale Hygetropin 10iu Dosage Jintropin Kigtropin Vs Somatropin Turinabol For Sale Testosterone Propionate Cycle Anavar for sale Igtropin 100mcg Price Android Pills Stanazol Suspension Side Effect Buy HCG 5000 iu Vials Anadrol Oxymetholone Buy Ansomone Growth Hormone Anadrol For Sale Testosterone Enanthate 250mg Testosterone Cypionate For Sale Deca Durabolin Side Effects Stanozolol Suspension Injection 20ml Winstrol for Sale trenbolone acetate